Sábado, 27 de Fevereiro de 2010
publicado por JN em 27/2/10

É fácil acreditar que, como prometeu Marco Horácio, haja sketches de Notícias Em 2ª Mão (SIC, diariamente depois das 21.00) susceptíveis de se tornarem “míticos no YouTube”. Quem ouvia Caixilhos & Laminados, da Rádio Comercial, ou de alguma forma acompanhava o trabalho de Horácio e Eduardo Madeira em qualquer um dos outros suportes onde vinham trabalhando, conhece bem a capacidade mimética de ambos – e, quando viu abrir-se o ecrã para um quadro em que Jorge Jesus é o “especialista em língua portuguesa” e o chamado “Barbas” o seu “assistente de dicionário”, percebeu de imediato que há ali potencial.


Mas o resultado final, para já, é limitado. Os sketches são curtos e, aparentemente, preparados demasiado depressa. Tanto os Gato Fedorento como Herman José andam demasiado por ali (“António e Rosinda Melo” são obviamente um pastiche simultâneo de “Nelo e Idalia” e de “Diácono Remédios”, para citar apenas o exemplo mais flagrante). E o público ao vivo, que é claramente o mesmo de Levanta-te e Ri (e de Fernando Rocha em particular) comporta-se de forma boçal, rasgando em gargalhadas guturais a pretexto dos ganchos mais corriqueiros do humor físico.

Talvez se possa esperar uma subida da qualidade do produto ao longo das próximas semanas. Para já, no entanto, e embora seja previsível o êxito de algumas das personagens no universo da Internet, trata-se de um programa pouco vocacionado para o prime time de um canal generalista à procura de reinventar-se. Mesmo se as audiências da primeira edição (9%, correspondentes a 22,6% de share), e apesar do claro predomínio da classe C2, não se mostram completamente decepcionantes.


CRÍTICA DE TV ("Crónica TV"). Diário de Notícias, 27 de Fevereiro de 2010

Joel Neto


Joel Neto nasceu em Angra do Heroísmo, em 1974, e vive entre o coração de Lisboa e a freguesia rural da Terra Chã, na ilha Terceira. Publicou, entre outros, “O Terceiro Servo” (romance, 2000), “O Citroën Que Escrevia Novelas Mexicanas” (contos, 2002) e “Banda Sonora Para Um Regresso a Casa” (crónicas, 2011). Está traduzido em Inglaterra e na Polónia, editado no Brasil e representado em antologias em Espanha, Itália e Brasil, para além de Portugal. Jornalista de origem, trabalhou na imprensa, na televisão e na rádio, como repórter, editor, autor de conteúdos e apresentador. Hoje, dedica-se sobretudo à crónica e ao comentário, que desenvolve a par da escrita de ficção. O seu novo romance, “Os Sítios Sem Resposta”, sai em Abril de 2012, com chancela da Porto Editora. (saber mais)
pesquisar neste blog
 
arquivos
livros de ficção

"Os Sítios Sem Resposta",
ROMANCE,
Porto Editora,
2012
Saber mais


"O Citroën Que Escrevia
Novelas Mexicanas",
CONTOS,
Editorial Presença,
2002
Saber mais
Comprar aqui


"O Terceiro Servo"
ROMANCE,
Editorial Presença,
2002
Saber mais
Comprar aqui
outros livros

Bíblia do Golfe
DIVULGAÇÃO,
Prime Books
2011
Saber mais
Comprar aqui


"Banda Sonora Para
Um Regresso a Casa
CRÓNICAS,
Porto Editora,
2011
Saber mais
Comprar aqui


"Crónica de Ouro
do Futebol Português",
OBRA COLECTIVA,
Círculo de Leitores,
2008
Saber mais
Comprar aqui


"Todos Nascemos Benfiquistas
(Mas Depois Alguns Crescem)",
CRÓNICAS,
Esfera dos Livros,
2007
Saber mais
Comprar aqui


"José Mourinho, O Vencedor",
BIOGRAFIA,
Publicações Dom Quixote,
2004
Saber mais
Comprar aqui


"Al-Jazeera, Meu Amor",
CRÓNICAS,
Editorial Prefácio
2003
Saber mais
Comprar aqui