Segunda-feira, 2 de Novembro de 2009
publicado por JN em 2/11/09

A TVI diz que Lua Vermelha, a nova série da SIC sobre vampiros, é uma cópia da saga literária e cinematográfica Crepúsculo, de Stephenie Meyer. Jorge Marecos, director da SP Televisão (e produtor de Lua Vermelha), diz que a TVI já lhe copiou Rex, New Wave e Fábrica dos Sonhos – e que é em Queluz, na verdade, que existe o hábito de copiar tanto a concorrência como os modelos internacionais.


É uma polémica tão inesperada quanto surpreendente. Na verdade, a cultura da cópia vive bem instalada em todos os canais generalistas nacionais – e, se há uma estação que possa reclamar o seu alinhamento como mais original do que os dos outros, seguramente essa estação não será a SIC nem será a TVI. De resto, basta assistir a um só dia de emissão de ambos os canais em simultâneo, de manhã até à noite, para perceber o essencial: os programas são os mesmos, passam às mesmas horas e são apresentados da mesma maneira por pessoas que só não se vestem todas de igual porque ninguém se veste como Manuel Luís Goucha.

Quanto à ficção nacional existente em ambos os canais (ou, aliás, em todos os três), a única coisa que pode lamentar-se é raramente ser verdadeiramente nacional. Se o dilema é português, a abordagem é universal; se as personagens são portuguesas, o guião é de lado nenhum – e, entretanto, a ideia nunca é nossa. O melhor programa da ficção nacional dos últimos anos? Conta-me Como Foi. Portugal todinho ali – e, no entanto, formato espanhol.


CRÓNICA DE TV ("Crónica TV"). Diário de Notícias, 31 de Outubro de 2009

Joel Neto


Joel Neto nasceu em Angra do Heroísmo, em 1974, e vive entre o coração de Lisboa e a freguesia rural da Terra Chã, na ilha Terceira. Publicou, entre outros, “O Terceiro Servo” (romance, 2000), “O Citroën Que Escrevia Novelas Mexicanas” (contos, 2002) e “Banda Sonora Para Um Regresso a Casa” (crónicas, 2011). Está traduzido em Inglaterra e na Polónia, editado no Brasil e representado em antologias em Espanha, Itália e Brasil, para além de Portugal. Jornalista de origem, trabalhou na imprensa, na televisão e na rádio, como repórter, editor, autor de conteúdos e apresentador. Hoje, dedica-se sobretudo à crónica e ao comentário, que desenvolve a par da escrita de ficção. O seu novo romance, “Os Sítios Sem Resposta”, sai em Abril de 2012, com chancela da Porto Editora. (saber mais)
pesquisar neste blog
 
arquivos
livros de ficção

"Os Sítios Sem Resposta",
ROMANCE,
Porto Editora,
2012
Saber mais


"O Citroën Que Escrevia
Novelas Mexicanas",
CONTOS,
Editorial Presença,
2002
Saber mais
Comprar aqui


"O Terceiro Servo"
ROMANCE,
Editorial Presença,
2002
Saber mais
Comprar aqui
outros livros

Bíblia do Golfe
DIVULGAÇÃO,
Prime Books
2011
Saber mais
Comprar aqui


"Banda Sonora Para
Um Regresso a Casa
CRÓNICAS,
Porto Editora,
2011
Saber mais
Comprar aqui


"Crónica de Ouro
do Futebol Português",
OBRA COLECTIVA,
Círculo de Leitores,
2008
Saber mais
Comprar aqui


"Todos Nascemos Benfiquistas
(Mas Depois Alguns Crescem)",
CRÓNICAS,
Esfera dos Livros,
2007
Saber mais
Comprar aqui


"José Mourinho, O Vencedor",
BIOGRAFIA,
Publicações Dom Quixote,
2004
Saber mais
Comprar aqui


"Al-Jazeera, Meu Amor",
CRÓNICAS,
Editorial Prefácio
2003
Saber mais
Comprar aqui