Domingo, 11 de Outubro de 2009
publicado por JN em 11/10/09

Para um amante de golfe, aquele a que já chamaram “o melhor jogo do mundo”, é uma delícia beneficiar do esforço que a SporTV vem vindo a fazer para trazer-nos todas as grandes competições mundiais, incluindo agora também a President’s Cup, que hoje mesmo se conclui no campo de Harding Park, em São Francisco. O deslumbrante swing de Adam Scott, o extraordinário jogo curto de Phil Mickelson, o mágico surgimento de Ryo Ishikawa – o melhor golfe do mundo entra-nos em casa pela noite dentro a uma regularidade cada vez maior.


No próximo fim-de-semana há mais: em Vilamoura, joga-se o III Portugal Masters, com o melhor leque de jogadores alguma vez reunido no nosso país para um torneio – e, se não fosse a SporTV, mais portugueses ainda não chegariam sequer a sabê-lo. Por outro lado, se a TV aposta no golfe, é também por causa da imensa telegenia do jogo. E foi por causa dessa telegenia que a modalidade ganhou, esta semana, um lugar nos Jogos Olímpicos de 2016 e 2020 (a par do rugby 7), ultrapassando candidatos como o basebol, o softball, o karaté, a patinagem e o squash.

À cabeça, uma estrela: Tiger Woods – o mesmo que ainda ontem passeava classe no dito Harding Park. Todos os anos é o atleta mais bem pago do mundo – e ainda na semana passada quebrou a barreira (nunca antes quebrada por um desportista) dos mil milhões de dólares ganhos. É ele que o Comité Olímpico quer – e, se o quer, é para pôr na TV. A festa começa dentro de sete anos, no Rio. Pena não ser já amanhã.


CRÓNICA DE TV ("Crónica TV"). Diário de Notícias, 11 de Outubro de 2009

Joel Neto


Joel Neto nasceu em Angra do Heroísmo, em 1974, e vive entre o coração de Lisboa e a freguesia rural da Terra Chã, na ilha Terceira. Publicou, entre outros, “O Terceiro Servo” (romance, 2000), “O Citroën Que Escrevia Novelas Mexicanas” (contos, 2002) e “Banda Sonora Para Um Regresso a Casa” (crónicas, 2011). Está traduzido em Inglaterra e na Polónia, editado no Brasil e representado em antologias em Espanha, Itália e Brasil, para além de Portugal. Jornalista de origem, trabalhou na imprensa, na televisão e na rádio, como repórter, editor, autor de conteúdos e apresentador. Hoje, dedica-se sobretudo à crónica e ao comentário, que desenvolve a par da escrita de ficção. O seu novo romance, “Os Sítios Sem Resposta”, sai em Abril de 2012, com chancela da Porto Editora. (saber mais)
pesquisar neste blog
 
arquivos
livros de ficção

"Os Sítios Sem Resposta",
ROMANCE,
Porto Editora,
2012
Saber mais


"O Citroën Que Escrevia
Novelas Mexicanas",
CONTOS,
Editorial Presença,
2002
Saber mais
Comprar aqui


"O Terceiro Servo"
ROMANCE,
Editorial Presença,
2002
Saber mais
Comprar aqui
outros livros

Bíblia do Golfe
DIVULGAÇÃO,
Prime Books
2011
Saber mais
Comprar aqui


"Banda Sonora Para
Um Regresso a Casa
CRÓNICAS,
Porto Editora,
2011
Saber mais
Comprar aqui


"Crónica de Ouro
do Futebol Português",
OBRA COLECTIVA,
Círculo de Leitores,
2008
Saber mais
Comprar aqui


"Todos Nascemos Benfiquistas
(Mas Depois Alguns Crescem)",
CRÓNICAS,
Esfera dos Livros,
2007
Saber mais
Comprar aqui


"José Mourinho, O Vencedor",
BIOGRAFIA,
Publicações Dom Quixote,
2004
Saber mais
Comprar aqui


"Al-Jazeera, Meu Amor",
CRÓNICAS,
Editorial Prefácio
2003
Saber mais
Comprar aqui